Filipe Ribeiro

É de mochila às costas e com os pés na terra que descobre a liberdade

Aventurar-se pelo mundo, quebrar fronteiras, ir ao encontro de culturas ancestrais e absorver histórias de povos distantes são as razões que levam o Filipe a viajar.

A Índia foi palco dos seus jovens sonhos e a primeira de muitas viagens a solo. Da experiência, recorda com especial carinho as longas horas passadas nos comboios, em convívio e proximidade com os locais, os passeios contemplativos junto aos rios e o contacto com a natureza selvagem, nas montanhas. Seguiu-se o Nepal, que percorreu de norte a sul — ora a pé, ora à boleia — acabando numa pequena aldeia na fronteira com o Tibete, num projeto de voluntariado para a reconstrução pós-sismo. A vontade de descobrir outros lugares, povos e culturas levaram-no ainda a mergulhar na cultura aborígene, na Austrália, e a conhecer os berberes, em Marrocos. 

Quando não está a viajar, expressa-se através da pintura e da escrita. A meditação, o yoga e o surf acompanham-no na aventura da vida.

Viagens com
Filipe Ribeiro